FOREIGN201701290946000539985286302

O Ano Novo Lunar, também chamado de Festival da Primavera ou Ano Novo Chinês como é conhecido pela maior parte do público ocidental, começou seu período de celebrações no último dia 28! As festas devem durar até o 12º dia do novo ano.

O calendário chinês é lunissolar, ou seja, os dias são marcados de acordo com as fases da lua e posições do sol. Um animal é atribuído a cada ano novo; agora entramos no ano 4715, ano do galo!

Ao contrário do que muitos pensam, não é só a China que comemora este evento. Malásia, Indonésia, Tailândia e muitos outros países da Ásia também celebram a chegada do novo ano lunar! Claro, além das inúmeras comunidades asiáticas ao redor do mundo! A gente separou várias fotos pra vocês terem um gostinho da celebração de cada canto do mundo, olha só:


Todos vestidos de galinho pra comemoração em Kuala Lampur na Malásia.


Dançarinos fazem a tradicional coreografia do dragão em meio a esponjas de aço queimando em Hubei, China :O


Claro que não poderia faltar comemoração no bairro da Liberdade em Sampa né?


Trajes típicos indonésios na Ilha de Java.


A Lapa, no Rio de Janeiro, foi o lugar onde os primeiros chineses chegaram há 200 anos e pela primeira vez teve sua própria festa!


Não pode faltar aquela selfie nas lanternas em Bangkok na Tailândia! 


Fogos de artifício sobre o Rio Hudson em Nova Iorque!


Performance de reencenação de um ritual imperial de sacrifício, da dinastia Qing (1632-1912) em saudação à Terra, em Pequim.


Em Sydney a Opera House fica vermelhinha!


Uma multidão de junta na Trafalgar Square, em Londres!

Fontes: Telegraph UK, People’s Daily, NBC News, Daily Telegraph Australia, Rio de Graça


Vocês comemoram o ano novo lunar? Já foram a alguma festa?
Conta pra gente!!

Metade italiano, metade japonês mas inteiro peculiar. Ator desde 2009, já trabalhei como editor de vídeo e professor de inglês. Sou viciado em cultura pop; música, games, filmes, séries… e claro, as bizarrices que só encontramos nos dias de hoje graças às maravilhas da internet.

Metade italiano, metade japonês mas inteiro peculiar. Ator desde 2009, já trabalhei como editor de vídeo e professor de inglês. Sou viciado em cultura pop; música, games, filmes, séries... e claro, as bizarrices que só encontramos nos dias de hoje graças às maravilhas da internet.